13 de ago de 2012

Tunel do tempo - ANOS 50 *

Boa tarde gente !
ANOS 50 - ADORO
Marilyn representou o luxo da década.

O tailleur Bar, com casaqueto de cintura fina e formas arredondadas lembrando uma tulipa, e a saia ampla, com metros e metros de tecido, tinham inspiração no século 19 e colocaram a Dior entre as grifes mais desejadas da época, ao lado de Chanel, Balenciaga, Givenchy e Balmain, entre outros.Com o fim dos anos de guerra e do racionamento de tecidos, a mulher dos anos 50 se tornou mais feminina e glamourosa. A cintura era bem marcada e os sapatos eram de saltos altos, além das luvas e outros acessórios luxuosos, como peles e jóias.O clima era de sofisticação e era tempo de cuidar da aparência.
 
O grande destaque na criação de sapatos foi o francês Roger Vivier. Ele criou o salto-agulha, em 1954 


 em 1959 o salto-choque, encurvado para dentro, além do bico chato e quadrado, entre muitos outros.
 
Aos 70 anos de idade, Coco Chanel criou algumas peças que se tornariam inconfundíveis, como o famoso tailleur com guarnições trançadas, a famosa bolsa a tiracolo em matelassê e o escarpin bege com ponta escura.


Nessa época, pela primeira vez, as pessoas comuns puderam ter acesso às criações da moda sintonizada com as tendências do momento.
Ao som do rock and roll, a nova música que surgia nos 50, a juventude norte-americana buscava sua própria moda. Assim, apareceu a moda colegial, que teve origem no sportswear. As moças agora usavam, além das saias rodadas, calças cigarrete até os tornozelos, sapatos baixos, suéter e jeans( uma combinação que eu adoro).



Nesse cenário, começava a ser formar um mercado com um grande potencial, o da moda jovem, que se tornaria o grande filão dos anos 60.  

Beijinhos *
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente!